Av Comendador Alberto Bonfiglioli 587- sobreloja
Jardim Bonfiglioli - São Paulo - 05593-001 

 

+55 (11) 3129-5398

Acompanhe-nos!

  • YouTube Instituto Harris
  • Facebook Instituto Harris
  • Instagram Instituto Harris
  • E-mail Instituto Harris
  • LinkedIn Instituto Harris
  • Twitter Instituto Harris

Única empresa no Brasil especializada na avaliação de segurança de ingredientes e produtos cosméticos sem o uso de animais.

October 5, 2019

October 5, 2019

Please reload

Posts Recentes

Reflexões sobre a segurança de produtos

October 7, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Alerta sobre tatuagem e ressonância magnética!

November 8, 2017

 

 

 

Ao se realizar uma ressonância magnética, algumas restrições são necessárias, como estar de cabelos secos, sem uso de cosméticos (maquiagem e creme corporal) em qualquer parte do corpo, assim como, estar sem joias, brincos ou piercings. Isso se dá em função do acentuado campo magnético existente no interior do aparelho, atuando como um grande ímã e permitindo o mapeamento de acordo com as moléculas de água presentes em nosso corpo. Porém, o que poucos sabem é sobre o risco de se ter uma tatuagem ao realizar uma ressonância.

 

Dois fatores devem ser levados em consideração a respeito do tipo de risco: o tamanho da tatuagem e a composição de sua tinta. Algumas tintas, principalmente tonalidades de vermelho e preto, apresentam óxido de ferro em sua composição. Esse metal tem uma reação muito sensível a campos magnéticos durante a realização da ressonância. Assim, uma pessoa com tatuagem nessas tonalidades e em um tamanho considerável corre o risco de ter a criação de corrente elétrica, na qual aumentará a temperatura da pele, podendo provocar queimaduras de até 2º grau.

 

Em relação às tatuagens menores ou em forma circulares, também podem funcionar como um tipo de antena que absorve energias do aparelho, correndo risco de causar irritações e até mesmo bolhas no local. As atenções devem ser maiores quando a tatuagem estiver localizada próxima aos olhos, região muito sensível as altas temperaturas.  Maquiagens permanentes também correm esse risco, porém em menor gravidade, como é o caso da micropigmentação de sobrancelhas.  

 

Apesar de tudo, essas queimaduras não são tão comuns ao se realizar uma ressonância magnética. Porém, cuidados devem ser tomados durante a realização desse exame, como ter consciência da composição da tinta utilizada, informar ao médico sobre a existência da tatuagem e usar uma toalha úmida sobre o desenho durante o exame para evitar o risco de queimaduras.